LOGIN TO YOUR ACCOUNT

Username
Password
Remember Me
Or use your Academic/Social account:

CREATE AN ACCOUNT

Or use your Academic/Social account:

Congratulations!

You have just completed your registration at OpenAire.

Before you can login to the site, you will need to activate your account. An e-mail will be sent to you with the proper instructions.

Important!

Please note that this site is currently undergoing Beta testing.
Any new content you create is not guaranteed to be present to the final version of the site upon release.

Thank you for your patience,
OpenAire Dev Team.

Close This Message

CREATE AN ACCOUNT

Name:
Username:
Password:
Verify Password:
E-mail:
Verify E-mail:
*All Fields Are Required.
Please Verify You Are Human:
fbtwitterlinkedinvimeoflicker grey 14rssslideshare1
Renê Lepiani Dias; Archimedes Perez Filho (2015)
Publisher: União da Geomorfologia Brasileira
Journal: Revista Brasileira de Geomorfologia
Languages: Portuguese
Types: Article
Subjects: terraços fluviais, oscilações climáticas, Luminescência Opticamente Estimulada (LOE), Geology, QE1-996.5

O objetivo do presente trabalho constitui-se na análise geocronológica em terraços fluviais, tendo como área de estudo o alto curso da bacia hidrográfica do rio Corumbataí. Para atingir este objetivo foram identificados e selecionados alto e baixos terraços, onde foram coletadas amostras dos materiais de recobrimento das coberturas superficiais, material de origem dos solos, para realização de análises laboratoriais. Resultados obtidos a partir da análise granulométrica foram interpretados por meio do diagrama textural, que permitiu a classificação textural dos sedimentos, fornecendo subsídios para determinação do ambiente deposicional. Foram realizadas datações absolutas por meio de Luminescência Opticamente Estimulada (LOE), onde foi possível determinar o momento da deposição do material, fornecendo dados para interpretação da evolução dos terraços fluviais. Os resultados permitiram relacionar a ocorrência dos mesmos com oscilações climáticas ocorridas durante o Holoceno. Períodos mais secos ocorridos há aproximadamente 5.500 anos A.P., 2.500 anos A.P. e 1.100 anos A.P. definiram os níveis de alto e baixos terraços. Em fase climática úmida houve entalhamento da rede de drenagem para o nível atual, possibilitando a deposição de aluviões recentes há aproximadamente 200 anos A.P. Concluiu-se que os resultados foram fundamentais no auxílio da caracterização paleoclimática e evolutiva da bacia hidrográfica do rio Corumbataí, na Depressão Periférica Paulista durante Holoceno

  • No references.
  • No related research data.
  • No similar publications.

Share - Bookmark

Cite this article

Collected from